19 set Fazendo as contas: O caminho das pedras


O Cruzeiro inicia o segundo turno do Brasileirão com um objetivo nada nobre. Deixar a zona de rebaixamento e garantir a permanência na Série A na próxima temporada.

Com dezenove compromissos pela frente, é até possível mudar o olhar na sequência do campeonato. Mas o tradicional “Fazendo as contas”, coluna do GDG que em outros anos apontava a rota para o título, volta em 2019 modesto e planejando a rota de fuga da Raposa.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Priorizando não perder os confrontos diretos e um bom aproveitamento em casa, a coluna começa projetando um tropeço reconhecendo a dureza de encarar o líder, mesmo no Mineirão. Mas, ao mesmo tempo, um triunfo sobre o Flamengo já ajudaria significativamente na missão cinco estrelas.

O baixo aproveitamento das equipes da parte de baixo da tabela, aliás, contribui para uma projeção bastante tímida de pontos, especialmente no início do returno onde se concentram algumas das missões mais duras. Uma boa largada no segundo turno, portanto, pode significar começar a pensar em Sul-Americana.

Vamos calcular (Estatísticas sobre as chances retiradas do site “Chance de Gol”)

Meta: 39 pontos

Aproveitamento necessário: 36,8% (Idêntico ao do Ceará, atual 15º colocado)

Resultados almejados: 6 vitórias, 4 empates e 9 derrotas.

Chances de título atingindo esta meta: 0%.

Chances de Libertadores atingindo esta meta: Próxima a 0%.

Chances de Sul-Americana atingindo esta meta: Próxima a 0%.

Chances de rebaixamento atingindo esta meta: Inferiores a 30%.

Chances de título do Cruzeiro: Quase 0%.

Chances de Libertadores do Cruzeiro: 0,01%.

Chances de Sul-Americana do Cruzeiro: 6,8%.

Chances de ficar na zona morta do Cruzeiro: 56,09%

Chances de rebaixamento do Cruzeiro: 37,1%.

Tabela Restante

Flamengo (C) – 0 pontos.

Ceará (F) – 1 ponto.

Goiás (F) – 1 ponto.

Internacional (C) – 0 pontos.

Fluminense (C) – 3 pontos.

Chapecoense (F) – 1 ponto.

São Paulo (C) – 0 pontos.

Corinthians (F) – 0 pontos.

Fortaleza (C) – 3 pontos.

Botafogo (F) – 0 pontos.

Bahia (C) – 3 pontos.

Athletico (F)- 0 pontos.

Atlético-MG (C) – 3 pontos.

Avaí (C) – 3 pontos.

Santos (F) – 0 pontos.

CSA (C) – 3 pontos.

Vasco (F) – 1 ponto.

Grêmio (F) – 0 pontos.

Palmeiras (C) – 0 pontos.


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você