30 set Fazendo as contas: Rodada para somar


O Cruzeiro aproveitou a vigésima quinta rodada na semana passada para se aproximar do grupo dos seis primeiros colocados e melhorar suas chances de chegar ao G-6 do Brasileirão. Mas ainda resta um longo caminho até adentrar ao grupo dos que se classificam para a Libertadores pelo campeonato nacional.

Finalista da Copa do Brasil contra o Corinthians, outra equipe fora do G-6, a Raposa precisa se aproximar do grupo dos primeiros colocados para não correr riscos de uma temporada fracassada em 2018. Mas com a Copa do Brasil e a Libertadores ainda em mente, é difícil concentrar todas as forças no Brasileirão.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O confronto contra o Palmeiras neste domingo, especialmente pelo fato de que o time celeste atuará com os reservas, acaba sendo uma batalha em que qualquer ponto salvo vale a pena. Um resultado melhor que o do Atlético-MG, inclusive, significa um passo a mais na busca por chegar próximo ao grupo dos seis primeiros colocados.

Números projetados para o G-6 segundo informações do Chance de Gol.

Meta: Segue em 60 pontos.

Aproveitamento necessário: Caiu de 66,7% para 63,9% (Inferior ao aproveitamento do Palmeiras, segundo colocado do Brasileirão com 64,1%).

Resultados almejados: 7 vitórias, 2 empates e 3 derrotas

Chances de título atingindo esta meta: Próximas de 0%.

Chances de Libertadores atingindo esta meta: Superiores a 60,0%.

Chances de permanecer na Série A atingindo esta meta: 1o0%.

Chances de título do Cruzeiro: Permanecem em quase 0%

Chances de Libertadores do Cruzeiro: Subiram de 8,2% para 13,8%.

Chances de Sul-Americana do Cruzeiro: Caíram de 88,4% para 84,2%.

Chances de ficar no meio da tabela sem vaga em torneio continental: Caíram de 3,34% para 1,98%.

Chances de rebaixamento: Caíram de 0,05% para 0,02%.

Tabela restante do Cruzeiro

Palmeiras (F) – 0 pontos.

Ceará (C) – 3 pontos.

Vasco (F) – 3 pontos.

Chapecoense (C) – 3 pontos.

Paraná (C) – 3 pontos.

América (F) – 0 pontos.

Atlético-PR (F) – 1 ponto.

Corinthians (C) – 3 pontos.

São Paulo (F) – 0 pontos.

Vitória (C) – 3 pontos.

Flamengo (C) – 3 pontos.

Bahia (F) – 1 ponto.

Por: João Henrique Castro


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você