11 ago Jogos Históricos: Aha, Uhu, o Maraca é nosso! (Flamengo 1×2 Cruzeiro – 20ª rodada – Campeonato Brasileiro 2009)


Flamengo e Cruzeiro voltam a se enfrentar neste domingo, após a vitória celeste na quarta-feira pela primeira partida das oitavas de final da Copa Libertadores da América. Desta feita, a partida é válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo está marcado para às 16h, no Maracanã.

Em 2009, no mesmo Maracanã, – ainda sem passar por reformas para a Copa do Mundo – o Cruzeiro foi ao Rio de Janeiro e venceu os cariocas por 2×1.

O Jogo

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Ainda em fase de estruturação após a perca do título da Libertadores, a equipe de Adilson Batista foi pressionada, registrou falhas defensivas durante o jogo, mas soube aproveitar as chances criadas e o mal momento do Flamengo para sair com a vitória.

O time carioca começou o jogo pressionando. Em falha de Thiago Heleno, por pouco Adriano “imperador” não abriu o marcador aos 12 minutos de jogo. O troco celeste veio no lance seguinte com Marquinhos Paraná. O polivalente volante celeste avançou da intermediária e chutou rasteiro, mas a bola foi defendida pelo então goleiro Bruno.

Nova chance para o Flamengo veio aos 23 minutos. Adriano fez boa jogada no meio-campo e encontrou Everton Silva arrancando nas costas de Diego Renan para entrar na área celeste. Fábio foi mais rápido que o jogador flamenguista e tirou a bola dos pés de Everton.

Apesar de ser visitante e registrar menor posse de bola e volume de jogo no primeiro tempo, a melhor chance de gol foi do Cruzeiro. Em saída de bola errada do goleiro Bruno aos 30 minutos, Marquinhos Paraná roubou a bola de Lennon e cruzou pala Kléber “Gladiador”. O camisa 30 finalizou, dentro da pequena área, mas o goleiro flamenguista se redimiu e fez bela defesa.

No lance seguinte, porém, quem aproveitou a chance foi o Flamengo. Emerson Sheik recebeu belo cruzamento de Jorbison da ponta esquerda, subiu mais alto que Thiago Heleno e abriu o marcador

No segundo tempo o Cruzeiro voltou melhor e não demorou muito para a equipe de Adilson Batista igualar o marcador. Em mais uma saída de bola errada do Flamengo, Diego Renan recebeu de Fabrício e, após dividir a bola com o marcador, levou a melhor e chutou forte, rasteiro, no canto direito de Bruno para empatar a partida.

O Flamengo sentiu o gol e não conseguia reagir. O Cruzeiro, por sua vez, tocava bem a bola e criava boas chances de gol aproveitando-se do nervosismo adversário. Aos 25 minutos, o atacante Soares dividiu com o goleiro Bruno, a bola sobrou fora da área para o volante Fabrício, que ajeitou e chutou forte para desempatar a partida e dar números finais ao jogo: Flamengo 1×2 Cruzeiro.

Com a vitória, o Cruzeiro deu mais um passo na arrancada que reconduziu o time celeste à Copa Libertadores em 2010. A equipe de Adilson Batista chegou ao 13º lugar da tabela com 24 pontos. Naquele ano, o Cruzeiro definiu sua classificação ao torneio continental na última rodada, após combinação de resultados e a vitória celeste contra o Santos, por 2×1, na Vila Belmiro.

FLAMENGO 1 X 2 CRUZEIRO
Motivo: 20ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 20/08/2009
Local: estádio Maracanã, no Rio de Janeiro – RJ
Árbitro: Rodrigo Martins Cintra (SP)
Público: 12.272 pagantes
Renda: R$ 185.195,00
Gols: Emerson, aos 32 min do primeiro tempo; Diego Renan, aos 6 min, e Fabrício, aos 24 min do segundo tempo
Flamengo: Bruno; Fabrício, Ronaldo Angelim e David; Éverton Silva, Aírton, Lenon, Fierro (Guilherme Camacho) e Jórbison (Galhardo); Adriano e Emerson (Maxi)
Técnico: Andrade
Cruzeiro: Fábio; Gil, Thiago Heleno (Jancarlos) e Leonardo Silva; Marquinhos Paraná, Fabrício, Henrique, Gilberto (Dudu) e Diego Renan; Thiago Ribeiro (Soares) e Kléber
Técnico: Adilson Batista
Cartões amarelos: David, Éverton Silva, Fabrício e Aírton (Flamengo); Gil, Thiago Ribeiro e Jancarlos (Cruzeiro)


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você