18 jan O que espero do Cruzeiro no primeiro confronto oficial do ano


Enfim o Cabuloso vai estrear de forma oficial na temporada 2019

Cinquenta dias sem Cruzeiro. É mole, torcedor?

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Desde o empate por 0 a 0 contra o Bahia, pela última rodada do brasileirão do ano passado, passaram-se 50 dias. Tempo demais para quem ama o esporte e, claro, o nosso Cruzeirão Cabuloso.

Neste sábado, ás 16h30, o Cruzeiro estreia no ruralzão contra o Guarani, em Divinópolis. Diria que, para um primeiro confronto oficial, será uma partida de futebol bem raiz. Verão + jogo de campeonato mineiro + estádio com capacidade para 3 mil pessoas + estréia de jogador… São muitos ingredientes interessantes.

Lembro-me de duas fotos que vi do Real Madrid campeão da UEFA Champions League em 2017 e 2018. A única mudança era a posição do braço de Keylor Navas. Óbvio, fazendo uma simples comparação de manutenção de elenco, é assim que vejo o Cruzeiro para 2019. Tirando a saída de Judas e as prováveis ausências de Edílson e Leo, o Cruzeiro deverá entrar em campo com Fábio; Orejuela, Dedé, Murilo, Egídio; Henrique, Lucas Silva (Ariel Cabral), Rafinha, Robinho, David; Fred. De novidade aí somente o lateral colombiano recém contratado.

O fato de ainda ter feito pouquíssimas contratações e ter mantido a base, ao meu ver, é extremamente positivo. Discute-se a questão etária do elenco e a lacuna do Arrascaeta, mas vejo que estamos muito bem dentro da realidade financeira que vivemos e, principalmente, que outros clubes brasileiros – como Palmeiras e Flamengo – vivem. Como andam dizendo ai para a nação azul: keep calm.

O JOGO

Não espero que a defesa do Cruzeiro esteja em plena forma, não espero que Robinho tire coelhos da cartola, espero o Rafinha correndo o campo todo e não espero o Cruzeiro passando o trator.

Estamos no início de temporada e nossos atletas ainda precisam de muito ritmo até o primeiro confronto importante. Ritmo se adquire com tempo de jogo e, para nós, o primeiro desafio importante será no dia 7 de Março, contra o Huracán.

Alô, Mano Menezes. Tem jogador importante que saiu, mas o time continua forte e ficará ainda mais. Tu tem até o carnaval para errar. Obrigado.

Por: Paulo Pianetti


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você