02 set Pós-jogo: A base vem forte


Cruzeiro e Vasco se enfrentaram ontem (01), no Mineirão, em partida válida pela 17ª rodada do Brasileirão. O jogo terminou em 1 a 0 para a Raposa graças a Fábio e uma jovem promessa da base: Mauricio. 

Fazendo o papel de time da casa, o Cruzeiro começou a partida pressionando o Vasco. Tanto que nos minutos iniciais a equipe celeste marcou com Marquinhos Gabriel, mas o gol foi anulado. 

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

No decorrer da partida, os visitantes foram conseguindo se encontrar no jogo e equilibraram a partida. O placar final poderia ter sido outro se não fosse a grandeza de Fábio. Após entrada forte do zagueiro Fabrício Bruno em Yago Pikachu, o árbitro assinalou pênalti.

O próprio Pikachu foi para a cobrança, mas Fábio caiu para o lado certo e espalmou a bola, garantindo o 0 a 0 no Mineirão. Com a defesa, o ídolo celeste chegou a marca de 28 pênaltis defendidos com a camisa cruzeirense. 

Promessa da base

O primeiro tempo terminou sem gols e com o pênalti desperdiçado, a confiança do Vasco ficou abalado. Foi então que os visitantes viram o Cruzeiro ir com tudo para a segunda etapa da partida. Aos 22 minutos, Rogério Ceni sacou do banco o meia Maurício. 

O jogador de apenas 18 anos entrou na partida já com uma grande responsabilidade: ocupar a vaga de Thiago Neves. Porém, o garoto parece não ter se abalado, visto que o gol da vitória celeste saiu de seus pés. David disputou bola na área vascaína, ela acabou sobrando para Maurício, que marcou de pé esquerdo. 

O feito carimbou o primeiro gol do meia como jogador profissional. Rogério Ceni já tinha acionou Maurício em outros jogos, mas não é só o novo técnico que está de olho no atleta. O Grêmio chegou a fazer uma proposta a Raposa pelo jogador, mas o clube recusou. 

Maurício está no Cruzeiro desde 2018, mas ainda tem a maioria dos direitos econômicos pertencentes ao Desportivo Brasil.

Aproveitando o embalo

Depois da boa atuação de um jogador da base, o Cruzeiro acaba de anunciar que o goleiro Rodrigo Bazílio, do Sub-17, assinou contrato como profissional com o clube até 2024. O jogador vem se destacando e coleciona inúmeras convocações para defender a seleção Sub-17.   

Foco no Inter

Agora, o Cruzeiro volta todas as suas atenções para o confronto decisivo desta quarta contra o Internacional. A partida será no Beira Rio, às 21h30 (de Brasília) e para se classificar para a final sem depender das penalidades máximas, a Raposa precisa vencer o Colorado por 2 ou mais gols de diferença. 

Por: Karina Peres


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você