10 nov Pré-jogo: Cruzeiro x Atlético-MG (Puxá-los para a briga)


O Cruzeiro: entra em campo neste domingo tentando mais uma vez se distanciar da zona de rebaixamento e de quebra puxar o Atlético-MG para a briga contra a queda.

Diante da possibilidade de ficar apenas dois pontos do rival em caso de vitória, a Raposa sabe também que qualquer tropeço pode devolver a equipe à zona de rebaixamento. Especialmente porque o Botafogo recebe o Avaí em casa na segunda-feira e ultrapassaria o time celeste se conseguisse mais pontos que o Cruzeiro na rodada.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Com dúvidas nas laterais e no meio-campo, Abel Braga tem boa parte do elenco a disposição para o duelo. Sassá é o único suspenso, enquanto Dedé e Rodriguinho seguem no departamento médico.

O Atlético-MG: interrompeu uma sequência de três jogos sem vencer ao triunfar sobre o Goiás na última rodada e conseguiu um fôlego na classificação, mantendo uma distância razoavelmente segura do grupo dos quatro últimos.

Buscando consolidar-se no grupo dos classificados à Sul-Americana e afastar o mais rápido possível qualquer risco de queda, a equipe alvinegra enxerga o confronto como uma espécie de confronto direto pela tranquilidade e chance de agravar a situação do maior rival na competição.

O bom desempenho da dupla de jovens Marquinhos e Bruninho na vitória sobre o Goiás abre espaço para Vágner Mancini repensar a formação titular. A principal certeza, contudo, é que o veterano Elias, lesionado, fica de fora

Cruzeiro: Fábio; Orejuela (Edilson), Cacá, Fabrício Bruno e Dodô (Egídio); Henrique e Éderson; Marquinhos Gabriel (Robinho), Thiago Neves e David; Fred. Téc: Abel Braga.

Atlético-MG: Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Zé Welison e Luan; Bruninho (Jair ou Ramón Martínez), Cazares e Otero; Di Santo. Téc: Vágner Mancini.

Horário e Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG). Domingo, 10 de Novembro de 2019 às 16:00.

Motivo: 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS), auxiliado por Rafael da Silva Alves (RS) e Leirson Peng Martins (RS).

Transmissão: Globo MG e PFC.

Retrospecto: Cruzeiro e Atlético-MG se enfrentaram 69 vezes pelo Campeonato Brasileiro e a equipe alvinegra leva pequena vantagem.

Foram 22 vitórias celestes, 26 atleticanas e 20 empates. Nos gols marcados, 91 gols celestes contra 92 gols atleticanos.

Por: João Henrique Castro


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você