03 abr Pré-jogo: Emelec x Cruzeiro (Pelo turno perfeito)


O Cruzeiro: busca manter os 100% de aproveitamento na Copa Libertadores e fechar o primeiro turno do grupo B com uma campanha perfeita e a classificação encaminhada para a próxima fase da competição.

Embalado pela vitória sobre o América na abertura da semifinal do Campeonato Mineiro e ainda invicto na temporada, o time celeste estará motivado no Equador e encarará o Emelec confiando na vitória.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Mantendo o rodízio de jogadores priorizando descansar os mais desgastados, Mano Menezes deve poupar Egídio nesta partida. Dodô, por sua vez, deve iniciar o duelo.

O Emelec: ainda está invicto no Grupo B, mas também não venceu nenhum adversário. Os empates contra Deportivo Lara e Huracán colocam os equatorianos na segunda colocação da chave, mas deixam a equipe pressionada por um bom resultado atuando em casa contra o Cruzeiro.

Sem regularidade no Campeonato Equatoriano, onde ocupa um modesto décimo lugar, o Emelec tem no confronto desta quarta-feira a chance de virar a chave na temporada e, enfim, convencer a torcida de que pode fazer mais do que conseguiu até aqui.

Com o atacante Brayan Angulo como principal destaque, o time do treinador Mariano Sosso tem nomes conhecidos do futebol equatoriano e confia que pode se impor em seus domínios.

Emelec: Dreer; Caicedo, Jaime, Vega e Johnson; Quiñonez, Arroyo, Arce, Cortez e Cabezas; Brayan Angulo. Téc: Mariano Sosso.

Cruzeiro: Fábio; Edílson, Dedé, Leo e Egídio; Henrique, Lucas Romero, Robinho, Rodriguinho e Marquinhos Gabriel; Fred. Téc: Mano Menezes.

Horário e Local: George Campwell, Guayaquil (Equador). Quarta-feira, 03 de Abril de 2019 às 21:30.

Motivo: 2ª rodada do Grupo B da Copa Libertadores.

Arbitragem: Victor Carillo (Peru) auxiliado por Jonny Bossio (Peru) e Victor Raez (Peru).

Transmissão: FoxSports e Globo MG.

Retrospecto: Cruzeiro e Deportivo Lara nunca se enfrentaram, mas a Raposa defende um retrospecto amplamente positivo contra clubes venezuelanos no Mineirão pela Copa Libertadores.

O time celeste venceu as sete partidas que fez neste cenário marcando 20 gols e sofrendo apenas 3 destes adversários.

Por: João Henrique Castro

 


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você