01 fev Seria um Boa a vitória – Boa Esporte 2 x 2 Cruzeiro – Campeonato Mineiro 2019


Salve, guerreiros!

Empate com muito sabor de derrota nesta quinta no estádio do Melão em Varginha. O que se espera do Cruzeiro no Mineiro 2019 são vitórias. Após o empate contra o Atlético na última rodada, a recuperação diante do Boa Esporte seria importante para a Raposa manter sua normalidade no certame. Lhe renderia também alcançar o América que hoje lidera a competição. Claro que a tragédia de uma não classificação é algo totalmente descartável, uma vez que o pífio regulamento classifica oito equipes em doze para a segunda fase. Vamos à analise.

O jogo

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Parecia um jogo normal de Campeonato Mineiro. O Cruzeiro abriu vantagem com gols de Robinho e Fred, mas cedeu o empate após algumas falhas individuais aliadas ao padrão Mano de tocar a bola esperando o fim da partida.

Primeiro tempo

O Maior de Minas impôs seu ritmo como é de se esperar, mas o time da casa naturalmente segui fechado tentando não levar o gol. A bola parada com Robinho foi o que venceu a defesa do time interiorano.  Não há muito mais o que dizer a respeito dessa etapa da partida.

Segundo tempo

A etapa final reservava fortes emoções aos torcedores celestes. Poucos minutos nos separaram dos naturais três pontos na partida. Fred amplia o marcador e tudo parecia encaminhar-se para o desfecho esperado, uma vitória celeste. As trapalhadas então começam a perturbar o destino. Não só as trapalhadas, mas o Manobol também.

O Cruzeiro começa com o improdutivo toque de bola, e o valente Boa Esporte não se conforma em assistir. Uma falha grotesca de Edilson e um chute de rara felicidades deram ao Boa o empate. Ao Cruzeiro o sabor amargo de perder dois pontos. É ou não é com sabor de derrota?

Guerreiro de ouro para Robinho. Vai firmando-se até aqui como o protagonista celeste em dois mil e dezenove. A briga pelo Guerreiro de lata é intensa. Edilson e Murilo concorrem ao posto, mas, este colunista não vai decidir sozinho. Conto com a ajuda dos amigos leitores que podem manifestar-se em nossas redes sociais. Na analise do fim de semana eu conto para vocês quem levou a parada.

FICHA TÉCNICA

BOA ESPORTE 2 X 2 CRUZEIRO

Local: Estádio Municipal de Varginha, , em Varginha (MG)
Data e horário: Quinta-feira, 31 de janeiro de 2019, às 20h
Árbitro: Ronei Cândido Alves (MG)
Assistentes: Marcyano da Silva Vicente e Fabiano Jesus da Silva Costa (MG)

Gols: Robinho, aos 28’-1º T(0-1), Gustavo Henrique, aos 9’-2º T(1-1), Fred, aos 17’-2º T(1-2), Gabriel Vieira, aos 30’, 2º T(2-2)
Cartões amarelo: Robinho, Murilo, Fred(CRU), Kaio Cristian, Jayme, Gindre(BOA)
Cartões vermelho: Murilo(CRU)
Público e renda: não divulgado

BOA ESPORTE: Renan Rocha; Chiquinho Alagoano, Victor, Fernando Fonseca e Tsunami. Gabriel Vieira(Edenilso, aos 41’-2º T), César Sampaio, Kaio Cristian (Dênis, aos 28’-2ºT), Gindre, Gustavo Henrique e Jayme(Lucas Gomes, aos 18’-2º T). Técnico: Tuca Guimarães

CRUZEIRO: Fábio; Edílson, Léo, Murilo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Robinho,, Thiago Neves(Fabrício Bruno, aos 34’ 2º T), Marquinhos Gabriel(Sassá, aos 18’-2ºT) e Fred (Renato Kayser, aos 28’-2ºT). Técnico Mano Menezes.

Agora a Raposa enfrenta o Vila Nova em Nova Lima. A partida se dará no próximo domingo às 17h. Até lá China Azul.

Guerreiro dos Gramados. Nossa torcida, nossa força!

Por: Álvaro Jr

Veja os Melhores Momentos


Deixe seu comentário, curta e compartilhe





Mais para você